NÃO TEMAS

separator

“Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou o teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a minha destra fiel.” (Isaías 41:10)

É muito fácil dizer que Deus é maravilhoso, que Ele é bom, etc., quando tudo está bem. Não é difícil acreditar que Ele te ama quando se está no topo da montanha e o Sol brilha sobre sua cabeça. Mas o que acontece quando você está no profundo vale, cercado por inimigos?

Talvez muitos dos que hoje leem esse texto estejam em situações difíceis, seja na área material, financeira, familiar, emocional, ou física, e talvez estejam se perguntando “Onde está Deus nessa hora?”

Eu lhe afirmo, meu amigo(a), que Ele está bem aí, ao seu lado. Deus está presente no topo da montanha quando você vence, mas Ele também está no mais profundo vale onde parece que a vitória não se concretizará. E é lá no fundo do vale que ele te diz: “NÃO TEMAS, pois Eu sou contigo! Não desfaleçam, pois eu sou teu Deus. Eu vou te fortalecer e te ajudar. Eu te exaltarei e te colocarei de pé com a força da minha destra!”

Quando o rei Josafá se viu cercado e suplantado em número por seus inimigos, o Espírito do Senhor veio sobre um homem de nome Jaaziel, e este profetizou, dizendo:

Dai ouvidos, todo Judá e vós, moradores de Jerusalém, e tu, ó rei Josafá, ao que vos diz o Senhor. Não temais, nem vos assusteis por causa desta grande multidão, pois a peleja não é vossa, mas de Deus. Amanhã descereis contra eles… Neste encontro não tereis de pelejar; tomai posição, ficai parados e vede o salvamento que o Senhor vos dará, ó Judá e Jerusalém. Não temais, nem vos assusteis; amanhã, saí-lhes ao encontro, porque o Senhor é convosco.” (2 Crônicas 20: 14-17)

O rei Josafá então, ao se preparar para a batalha, tomou uma atitude de fé e ao invés de colocar as tropas de Comandos ou Mariners no front, colocou uma unidade de adoradores que iriam à frente do seu exército, não com arcos, flechas, lanças, ou qualquer armamento natural e visível. Sua única arma era o louvor, e eles cantavam em alta voz, dizendo:

“Rendei graças ao Senhor, porque Ele é bom e a sua misericórdia dura para sempre” (2 Crônicas 20:20-23)

Impressionante que, com o uso dessa arma espiritual, o louvor, os inimigos que atacavam o povo de Deus foram DESBARATADOS!

Meu amado(a), veja o que diz a palavra de Deus e entenda: não é o tamanho do problema que determina o desfecho de uma luta, mas a qualidade da sua resposta ao ataque. O inimigo quer que você fique a perguntar “Mas onde está Deus?”, “Onde está a resposta?”, “Por que nada acontece?”, mas Deus te convida a dar a resposta da fé, crendo que Ele está pronto a te ajudar, a realizar milagres, a fazer o que for necessário para que sua vitória aconteça. Ele está esperando uma reação da sua fé! Fé é o que move a Deus. Lágrimas, murmuração, lamentos e gemidos não podem produzir milagres. Deus não é mobilizado por essas coisas, pois elas não expressam fé, mas dúvida, medo e incerteza. A Bíblia é clara ao dizer que sem fé é impossível agradar a Deus (Hebreus 11:6).

Então, não importa a profundidade do vale que você possa estar enfrentando, não se deixe vencer pelo medo, pela insegurança. Deus é contigo, ele não te abandonou nem te abandonará. Ele está presente para te fortalecer e te sustentar. Apenas dê louvores a Ele, declarando a sua confiança no amor divino através de cânticos de adoração que saiam do seu coração. Não se preocupe em decorar a letra da alguma música “gospel” de sucesso. Apenas deixe sair de seus lábios frases que venham do seu coração, expressando antecipadamente gratidão pela vitória que virá, e deixe Deus lutar suas batalhas! Creia e descanse na fé de que Ele está no controle da sua vida.

 

Cresça em fé, viva vencendo, seja uma benção.

Pastor Mauricio Fragale