Menu

Livre para ser amado p.1

Que amor é esse?

“Eu oro para que vocês recebam o espírito de sabedoria e de revelação a respeito de quem é o Pai e da largura, da altura e do comprimento da profundidade do amor que Ele tem por vocês” (Efésios 3:16)

Por 1.500 anos a Lei do Antigo Testamento esteve em vigor, mas nenhum homem jamais conseguiu cumpri-la. Por quê? Porque a Lei não foi dada para que o homem alcançasse justificação diante de Deus. A Lei foi dada para que o homem compreendesse a sua insuficiência, para que ele chegasse ao fim de si mesmo e reconhecesse que precisa de um Salvador e de um Ajudador.

É quando você chega à insuficiência de si próprio, ao fim de si mesmo, que você começa a entender que Deus te amou tanto, tanto, tanto, que Ele, em Cristo, removeu a Lei para que você tivesse acesso pleno a Ele. Porque pela Lei você não chegaria nunca, mas Jesus cumpriu a Lei em nosso lugar. Esse é o nível de amor que Deus tem por você!

Romanos 10:4 diz: “O fim da Lei é Cristo, para justificação de todo aquele que crê, não naquele que obedece, mas naquele que crê.”

Essa palavra “fim”, no texto original em grego, é telos, que é final, término, o fim, o término da Lei, the end! O fim da Lei é Cristo! Quando você recebe a Jesus e você recebe a revelação do amor dele, você cumpre a Lei sem sentir e sem fazer força, porque Ele já cumpriu tudo por você, Ele cumpriu a Lei. Em Cristo, Deus estava dando término à Lei, para que agora Ele possa nos amar sem qualquer restrição ou impedimento, de toda a sua alma, de todo o seu coração.

Na Lei éramos nós que precisávamos amar a Deus de todo o entendimento, de toda a alma, de todo o coração. Na graça é Ele quem nos ama de todo o seu entendimento, de toda a sua alma, de todo o seu coração. Nós precisamos receber essa revelação e esse entendimento no nosso espírito. Já não importa tanto o quanto nós amamos a Deus, mas importa muito entendermos o quanto Ele nos ama.

Em 1 João 4:10, o Apóstolo João diz o seguinte: “Nisto consiste o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou e enviou o seu Filho como propiciação pelos nossos pecados.”

Veja bem, em 1 Coríntios 13, o Apóstolo Paulo fala sobre algumas características do amor: “O amor é paciente, o amor é benigno, o amor não se ufana, o amor tudo suporta”. Mas aqui o Apóstolo João não fala das características do amor, ele dá uma definição, afirmando que o amor consiste “não em que nós tenhamos amado a Deus”. Deus não te salvou porque Ele olhou para você e pensou: “Ele me ama tanto, ele está se esforçando tanto para provar que me ama”. A Bíblia chega a dizer, em Efésios 2, que Deus nos amou quando nós éramos inimigos. Ele nos amou!

O Apóstolo Paulo orava pela igreja, dizendo: “Eu oro para que vocês recebam o espírito de sabedoria e de revelação a respeito de quem é o Pai e da largura, da altura e do comprimento da profundidade do amor que Ele tem por vocês” (Ef 3:16).

A igreja parou de fazer essa oração. A igreja não ora mais assim, se você começar a orar pedindo: “Deus, eu quero uma revelação do teu amor conforme o Apóstolo Paulo orou, eu quero fazer dessa a minha oração”, Ele vai começar a te revelar a respeito do amor dele.
“Pastor, quanto tempo vai levar para eu entender a revelação do amor de Deus?”

Não é muita coisa, é só toda a eternidade. Não um ou dois dias, mas a eternidade! Se você começar a orar e pedir revelação do amor de Deus hoje, você vai começar a receber hoje, amanhã e depois, e quando chegar no céu você vai continuar recebendo revelação. E quanto tempo vai levar no céu? No céu não tem tempo, não se contam os dias. Lá todo dia é o dia. Não tem daqui a dois anos ou daqui a 20 anos, você vai levar a eternidade inteira para entender plenamente a revelação do quanto Deus te ama, do quanto Ele te amou em Cristo e do quanto Ele continua te amando.

Você precisa começar a buscar essa revelação hoje, não dá para você esperar para chegar no céu e dizer: “Que surpresa! Como Deus me ama! Agora eu estou entendendo!” O amor de Deus possui uma qualidade diferente, é um amor que você não consegue entender por inteligência, você só consegue entender por revelação. É bom você começar a entender hoje, aqui e agora.

*Assista a mensagem completa no página da Nova Igreja.